quarta-feira, 18 de março de 2009

FORMIGAS GLITTER - NADA ACONTECEU NA VIDA DE VINCENT VAN PRICE ATÉ 18 DE MARÇO DE 2009?

Em quatro dias estréia a peça Formigas Glitter em curitiba. Curitiiiiiba. iiiiiba. é uma tentativa saudosista saturada. Estreiar esta peça, que escrevo e dirijo, mais ou menos sem saber o significado, está sofrido. É um imenso sofrimento, dentro do esplendor efervescente da curitiba em clima de festival de teatro. Não quero dizer que não significa nada, porque não posso negar que é um sofrimento para mim estar inserido, e talvez simplesmente por ser sofrido estar inserido. Domingo estréia, ao meio-dia. Muito familiar e tradicional isso...
Nos dois primeiros dias da temporadinha, o que acontece... digamos que eu devo estar em São Paulo, não em Curitiba, não em Festival de Teatro, mas em pé, com a cabeça em paz, no Just a Fest, vendo shows de Kraktwerk, Radiohead e Los Hermanos. Eu comprei o ingresso e isso desespera o elenco do Formigas Glitter, o diretor não está, mas é uma pena, pois eu já comprei, e é uma pena maior ainda que eles não queiram se divertir sem mim enquanto eu não chego, e é uma pena maior ainda que eles não vão se divertir tanto assim, pois não estão ausentes de diretor, apenas ausentes de mim.
-Pena?? Pena!! Pena de que? O Professor Penna, que relacionou sua disciplina de sociologia com a peça do Gianfrancesco e isso e aquilo.. Pena de que? Será que importa tanto assim? Não... sem ofensas, só para perguntar. Será que importa tanto assim? Bom, pra mim importa que toda a pergunta pra o próprio umbigo (ou para o próprio rabo) já foi feita, e quem responde é o próprio umbigo (ou o próprio rabo). Quer dizer, para o Penna, de onde ele veio, por onde ele passou, por onde ele passou que cristalizou tantos tics? enfim, parece justo relacionar sua disciplina de sociologia com a peça do Guarnieri. Afinal é um curso de teatro. Eles devem gostar disso, desta mistura, onde é a sociologia? onde é teatro? não sabemos... estamos apenas investigando alguma coisa que não sabemos o que é.
o que não parece justa é a necessidade disso tudo. qual a necessidade dessa investigação por sobre investigação por sobre investigação? e não há nada além da investigação. não há mesmo. não há. importa mais para mim quem está investigando? who the hell? quem? e por isso mesmo pouco importa a investigação, porque pouco importa quem está investigando, porque nada prova a idiossincrasia itinerante.
Just a Fest, FTC, Formigas Glitter, o provável [unico show do Radiohead no Brasil na história curtinha do Brasil. Historinha. É até curioso imaginar que isso tudo vai mudar.

FORMIGAS GLITTER:
22/03 - 12H
23/03 - 18H
24/03 - 15H
25/03 - 21H

Galeria Julio Moreira, Largo da Ordem, 30
R$10 e R$5

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog