quarta-feira, 4 de março de 2015

Resposta Incompleta


e sou teu fruto, em tão meio ingrato
os ombros escondem escombros e escracho.
o chiclete mastigado entre as vias de escape, 
veias assim que a máscara escolhida masca.
e sou mesmo teu fruto, em tão meio ingrato
os ombros escondem escombros e escracho.
e um pouco de religiosidade com ódio na boca,
flúor para gargarejos estéreis no expelir da cidade.
e sou realmente teu fruto, em tão meio ingrato
os ombros escondem escombros e escracho.
toda risada é uma resposta incompleta,
as línguas das imagens vazias de inveja.
e sou teu fruto, em tão meio ingrato.
2015

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog