quinta-feira, 9 de janeiro de 2020

Treinamento


Acabei de ser aprovado no treinamento da facada gratuita no pescoço para participar da humanidade. O corpo da faca vinha atravessando meu pescoço há uns dois anos, mas só agora posso chamar isso com esse nome: uma facada gratuita no pescoço. Pelo menos eu ainda consigo respirar, o que me alivia pois poderei receber meu certificado de participação ainda em vida. Respirar imaginando o rosto familiar que desempenhou esse gesto tão cinematográfico é enriquecedor para o meu currículo. Aliás, é um alívio a forma como esse rosto flutua agora e se desvanece como vapor de água no banho, um rosto que não sabia nem com quantas vogais se fala "faca". Respirar esse rosto familiar e evaporado é um alívio que faz o sangue coagular assim que começa a escorrer da região perfurada. Respirar é gratuito. Meu certificado de participação no treinamento não. O preço é aquilo que acrescentei à experiência da flexibilidade e da resistência humana, mais 10 reais que cobrem a impressão colorida e suas 5 vias. Mas sabe uma outra coisa que é gratuita? A facada que eu levei no pescoço.

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog